Blog voltado para a divulgação da Aviação Comercial, Militar e Civil, mostrando através de textos informativos e
fotos, as aeronaves, suas histórias e curiosidades, Operações Militares, Eventos Aeronáuticos e muito mais!

Seja bem-vindo a bordo!!!

sábado, 13 de junho de 2020

Um gigante dos céus em Florianópolis





Sem dúvida alguma o mês de junho de 2020 ficará marcado por um bom tempo na lembrança dos aficcionados por aviação de Florianópolis e região. Se por um lado, a pandemia de COVID-19 reduziu drasticamente a quantidade de voos diários para a capital catarinense, frustrando todos aqueles que gostam de acompanhar ou fotografar a atividade aérea, por sua vez, a emergência de saúde por que passa o mundo acabou sendo responsável por trazer ao Aeroporto Hercílio Luz, uma das maiores e mais imponentes aeronaves comerciais já construídas, estamos falando do Boeing 747, um verdadeiro ícone da aviação. O blog Aviação em Floripa esteve presente no pátio do Novo Terminal de Passageiros na última quinta-feira (11/6), com o objetivo de trazer aos seus leitores uma cobertura completa com muitas fotos e informações deste momento histórico. É esta matéria que você passa a ler a partir de agora.

Nota Editorial: Durante a elaboração desta matéria ficamos sabendo da possível vinda a Florianópolis de uma outra aeronave cargueira Boeing 747, desta vez na versão -200, prevista para este final de semana. Até o fechamento desta edição, não obtivemos mais detalhes ou novas informações sobre este voo.


Uma visita histórica e inédita


O Aeroporto Internacional Hercílio Luz (FLN/SBFL) recebeu a singular visita de um Boeing 747 em sua versão cargueira, em operação contratada por um importador privado para trazer à capital catarinense, materiais de E.P.I. e outros insumos hospitalares em apoio ao combate à pandemia de COVID-19. Cabe ressaltar que esta foi a primeira vez na história que o Aeroporto Internacional Hercílio Luz recebeu um Boeing 747 dedicado exclusivamente ao transporte de cargas. Em 18 de julho de 1995, uma outra aeronave deste modelo já havia estado na capital catarinense, na oportunidade, um Boeing 747-200 da versão de transporte de passageiros da Companhia Aérea estadunidense EverGreen International, especialmente fretado para levar um grupo de turistas catarinenses para a Disney nos Estados Unidos.

O cargueiro pousou na capital catarinense na tarde da última quinta-feira, sendo um Boeing 747 da variante -400 operado pela Companhia Aérea moldava Terra Avia, com a matrícula ER-BAG. O voo teve início no Aeroporto Internacional de Hangzhou Xiaoshan (HGH/ZSHC), localizado na região leste da China, no final da tarde do dia 9 de junho (Horário de Brasilia), com escalas no Aeroporto Internacional Heydar Aliyev, em Baku no Azerbaijão (GYD/UBBB) e finalmente no Aeroporto Internacional Blaise Diagne, localizado em Dakar no Senegal (DSS/GOBD), daí partindo em voo direto para a capital catarinense, no começo da manhã do dia 11.

Para chegar a Florianópolis, o Boeing 747-400 da Terra Avia fez uma verdadeira viagem intercontinental, cruzando 3 continentes. Fonte do diagrama: FlightAware.com


A Rainha dos Céus

Nascido como uma resposta à expansão dos voos comerciais em meados da década de 60, sobretudo aqueles que necessitavam vencer longas distâncias, o protótipo do Boeing 747 foi oficialmente apresentado em 30 de setembro de 1968, com a PanAm sendo a Companhia Aérea lançadora do projeto, inclusive com uma expressiva participação nas especificações da aeronave em vários quesitos técnicos e de configurações. Numa época com céus e aeroportos começando a se tornarem congestionados e com os voos intercontinentais dominados pelos seus conterrâneos Boeing 707 e Douglas DC-8, o Boeing 747 sem dúvidas, representou um enorme salto de qualidade ao permitir transportar um número maior de passageiros, mais longe, mais rápido e com mais conforto, razões que fizeram da aeronave um enorme sucesso de vendas. Passados quase 52 anos desde o seu roll out em Everett e após diversas variantes civis e militares, além de inúmeros melhoramentos, a "Rainha dos Céus" como também é conhecido o Boeing 747, permanece até os dias atuais com sua linha de montagem aberta, sendo o modelo atualmente em produção, o Boeing 747-800.

No Brasil, o Boeing 747 foi operado pela VARIG entre os anos de 1981 e 1999 em quatro versões distintas (-200, -300, 300C e -400), totalizando uma frota de 12 aeronaves. Até hoje foram os maiores aviões comerciais operados por uma Companhia Aérea brasileira, permitindo à empresa expandir sua malha de voos, passando a operar novas rotas para a América do Norte, Europa e Ásia.





 De qualquer ângulo que se olhe, as dimensões do Boeing 747-400 impressionam.

 A altura do solo até o topo da cauda é de 19,4 m, equivalente a um prédio residencial de seis pavimentos.

Bandeira da Moldávia e Matrícula da aeronave.

 Detalhe da bequilha.

Trem de pouso principal.


 A inconfundível seção dianteira da fuselagem do Boeing 747.

 Detalhe de um dos motores General Electric CF6-80C2B1F.

 A aeronave ainda ostenta o padrão de pintura da Thai Airways, sua primeira operadora.


Boeing 747-400 - Terra Avia


Logotipo da Terra Avia

O avião que veio a Florianópolis pertence atualmente à Terra Avia, Companhia Aérea com sede na República da Moldávia, país localizado no leste europeu entre a Ucrânia e a Romênia. Com a matrícula ER-BAG (c/n 24459), trata-se de um Boeing 747-400 da subvariante 4D7(BCF), tendo feito seu primeiro voo em 23 de fevereiro de 1990, originalmente operado pela Companhia Aérea tailandesa Thai Airways sob a matrícula HS-TGJ sendo utilizada como uma aeronave de transporte regular de passageiros. Em 2011 foi convertida para cargueiro e foi retirada de serviço em março de 2015, permanecendo nesta condição até recentemente. Em maio deste ano voltou a ganhar os céus, já ostentando a nova matrícula e com seu novo operador. Como curiosidade, o avião ainda apresenta o padrão completo de pintura da Thai, apenas sem o nome na fuselagem e sem o logo na cauda da Companhia Aérea tailandesa.

Antes do pouso, é hora de ajustar os equipamentos para não perder nenhum detalhe.

Precisamente às 14:56 , o ER-BAG toca a pista do Aeroporto Internacional Hercílio Luz.

 Chegando ao pátio.

 Fotografando e sendo fotografado.

 Desembarque e...

 ...transporte de um dos vários pallets que vieram na aeronave.

Tripulação que trouxe a aeronave até Florianópolis.


Parte da tripulação gentilmente atendeu a imprensa e deu alguns detalhes do voo.


Gostaríamos de agradecer ao apoio prestado pela Floripa Airport, atual administradora do Aeroporto Internacional Hercílio Luz, através de sua Assessoria de Comunicação Social e da Equipe de Operação de Pátio, nos garantindo o credenciamento e o acesso ao pátio de aeronaves. Sem este suporte, a realização das fotos que compõem esta matéria não teria sido possível.



10 comentários:

Marlon disse...

Parabéns pela matéria. Foi um momento que vai ficar para sempre na nossa memória.

Alessandro Del Duca disse...

Parabéns pelas imagens, sempre ficam top.

pampa14 disse...

Obrigado pelos comentários.

Cmte. Marcicano disse...

Excelente iniciativa da administradora do aeroporto organizar o acesso dos spotters.

Unknown disse...

Ótima matéria, um registro maravilhoso...

VIAJANDO COM O LUIZ disse...

Parabens pela matéria, retrata muito bem o momento que vivemos durante o evento. E um agradecimento especial a Floripa Airport pela oportunidade.

pampa14 disse...

Obrigado Luiz. Conte conosco sempre que precisar.

Luciani Capistrano Duarte disse...

Que excelente!
Adorei a matéria e as fotos!

Fabio Bittencourt disse...

Pampa 14,
Parabéns pela reportagem de alto nível, queremos mais.
Lynx 3025.

Unknown disse...

I don’t know the question, but sex is definitely the answer. Click here and Check me out i am getting naked here ;)

Postar um comentário